Ato irá celebrar os 30 anos da criação da Comissão da Mulher Trabalhadora da CUT

 Ato irá celebrar os 30 anos da criação da Comissão da Mulher Trabalhadora da CUT

Como parte das comemorações dos 30 anos da criação da Comissão da Questão da Mulher Trabalhadora da CUT, celebrados neste ano, a CUT São Paulo realiza um ato no próximo dia 25 de novembro, sexta-feira, com a participação de sindicalistas e militantes que fazem parte dessa história.

O ato terá início às 16h e será no auditório da CUT, na Rua Caetano Pinto, 575, no Brás, região central de São Paulo.

Na ocasião, que também é o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher, estão previstas atividades artísticas e culturais, homenagem a sindicalistas históricas da entidade e uma aula magna contextualizando os momentos de luta e conquistas das mulheres, além da defesa dos direitos que estão sob ameaça do governo ilegítimo de Michel Temer e de parte do Congresso Nacional.

Entre as presentes, estarão Clara Levin Ant, fundadora e uma das primeiras mulheres dirigentes da CUT, Didice Godinho Delgado, primeira coordenadora da Comissão Estadual da Questão da Mulher Trabalhadora da CUT-SP, Ana Nice Martins, metalúrgica, recém-eleita vereadora na cidade de São Bernardo do Campo (SP), única e primeira mulher negra eleita na cidade, e de Helena Hirata (a confirmar), filósofa especialista em sociologia do trabalho e gênero, colaboradora da luta das mulheres na CUT.

Mulher trabalhadora
A Comissão da Questão da Mulher Trabalhadora da CUT-SP foi criada em 31 de agosto de 1986, após aprovação no 2º Congresso Nacional da CUT (CONCUT), e, na época estava ligada à Secretaria de Política Sindical. Em 2006, torna-se a atual Secretaria Estadual da Mulher Trabalhadora.

Nessas três décadas de atuação, a pasta esteve na luta por avanços que promoveram mudanças significativas na vida das mulheres trabalhadoras, contribuindo para o aumento da participação das mulheres nos sindicatos e na CUT – em 2015, a Central implementa a paridade de gênero na direção -, e atuou, por meio de suas representantes, na promoção e garantia dos direitos consagrados na Constituição de 1988, especialmente durante os governos Lula e Dilma.

 

AGENDE-SE
Ato de celebração dos 30 anos da criação da Comissão da Questão da Mulher Trabalhadora da CUT

Data: 25 de novembro
Hora: A partir das 16h
Local: Auditório da CUT, na Rua Caetano Pinto, 575, no Brás, centro de São Paulo
Entrada gratuita