Diretor do SEESP profere palestra no Centro Universitário da FHO

 Diretor do SEESP profere palestra no Centro Universitário da FHO

De 30 de maio a 2 de junho, o Centro Universitário da Fundação Hermínio Ometto, em Araras/SP, realiza a 18ª edição do Congresso Científico – ‘Desafios para a Construção de um Mundo Sustentável’, 17º Congresso de Iniciação Científica PIBIC-CNPq e 1º Workshop de Projetos de Extensão.

Os eventos são virtuais, promovidos pela Coordenadoria de Comunidade e Extensão. São gratuitos e incluem uma ampla programação com mais de 230 palestras, oficinas e mesas redondas.

O diretor do SEESP, Adilton Dorival Leite, foi convidado para proferir a palestra com o tema: Entidades Representativas da Enfermagem: Reflexão Sobre Seus Papeis, que foi realizada na noite de quarta-feira (31), com a participação de mais de 50 alunos.

Adilton abordou inicialmente quais são e quais os papéis das entidades representativas da Enfermagem. Na sequência, apresentou o SEESP, sua história, missão, visão e valores e as principais linhas de atuação da entidade.

Depois, abordou questões relativas à Lei 14.434/22, que instituiu o piso salarial nacional do Enfermeiro, do Técnico, do Auxiliar e da Parteira e abordou a publicação, em 12 de maio, da Portaria GM/MS Nº 597, que estabelece os critérios e parâmetros relacionados à transferência de recursos para a assistência financeira complementar da União, destinados à ajuda financeira para que estados e municípios possam pagar o piso nacional dos profissionais de enfermagem no setor público, nas entidades filantrópicas e de prestadores de serviços, com um mínimo de atendimento de 60% de pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

Segundo Adilton, “é fundamental que estas discussões sejam feitas com alunos de graduação, uma vez que, as vulnerabilidades na qualidade das intervenções políticas do enfermeiro precisam ser explicitadas, discutidas, questionadas e refletidas, como forma de impulsionar movimentos dinamizadores de mudanças da realidade que se pretende melhor”.

Para ele, “conhecer e reconhecer as entidades representativas da enfermagem, se envolver com as discussões e com os movimentos, são passos que fortalecerão a categoria”, avaliou.

Ao final, Adilton agradeceu à professora Danieli Costa, coordenadora de Comunidade e Extensão da FHO, pelo convite, e aos alunos que participaram ativamente das discussões.

Deixe uma Respota

O seu endereço de e-mail não será publicado.