MS destina mais de R$ 306 milhões para tratamento de câncer em São Paulo

 MS destina mais de R$ 306 milhões para tratamento de câncer em São Paulo

O Ministério da Saúde vai destinar R$ 306,4 milhões para os serviços de tratamento do câncer no estado de São Paulo. O recurso, que deve beneficiar 41 municípios, será incorporado ao limite financeiro de Média e Alta Complexidade (MAC) do estado e dos municípios paulistas. O investimento foi confirmado por meio de Portaria publicada nesta sexta-feira (6) no Diário Oficial da União.

“Esta é uma maneira de dar maior suporte ao estado, além de agilizar e aprimorar os serviços de tratamentos oncológicos, inclusive, em hospitais filantrópicos”, destaca a ministra da Saúde, Nísia Trindade.

O Fundo Nacional de Saúde adotará as medidas necessárias para a transferência, regular e automática, do montante em parcelas mensais. O processo de pagamento será autorizado pela Secretaria de Atenção Especializada à Saúde.

A presidente do Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São Paulo, Elaine Leoni, diz que essa é uma medida importante do governo federal que procura aportar mais recursos para o tratamento do câncer. “Essa verba vai direto para os municípios, facilitando que a população tenha acesso imediato aos benefícios. Aprimorar os serviços de tratamento oncológico contribui para salvar muitas vidas e o governo federal demonstra muita disposição em melhorar a saúde dos brasileiros, por meio do fortalecimento do SUS”, afirma.

Confira os municípios paulistas que serão beneficiados:  

  • ARAÇATUBA – R$ 6.285.688,01
  • ARARAQUARA – R$ 6.255.328,85
  • ARARAS – R$ 3.859.898,77
  • ASSIS – R$ 412.875,86
  • AVARÉ – R$ 5.072.161,48
  • BARRETOS – R$ 4.168.511,41
  • BRAGANÇA PAULISTA – R$ 4.665.923,99
  • CAMPINAS – R$ 11.240.751,24
  • CAMPINAS – R$ 2.158.582,64
  • CAMPINAS – R$ 5.605.546,06
  • CATANDUVA – R$ 4.108.728,43
  • DIADEMA – R$ 452.245,51
  • FRANCA – R$ 6.159.977,86
  • GUARATINGUETÁ – R$ 1.714.202,18
  • GUARUJÁ – R$ 4.642.557,98
  • ITAPEVA – R$ 384.715,63
  • ITU – R$ 342.538,16
  • JACAREÍ – R$ 2.341.945,26
  • JAÚ – R$ 5.529.699,63
  • JUNDIAÍ – R$ 135.732,76
  • JUNDIAÍ – R$ 9.334.133,86
  • LIMEIRA – R$ 6.640.077,32
  • MARÍLIA – R$ 2.349.834,27
  • MARÍLIA – R$ 4.311.685,99
  • MOGI DAS CRUZES – R$ 4.430.148,41
  • MOJI-GUAÇU – R$ 2.594.294,84
  • OURINHOS – R$ 4.567.294,18
  • PARIQUERA-AÇU – R$ 5.154.061,84
  • PIRACICABA – R$ 4.035.000,41
  • PIRACICABA – R$ 5.369.279,70
  • PRESIDENTE PRUDENTE – R$ 7.409.607,61
  • RIBEIRÃO PRETO – R$ 16.276.069,46
  • RIBEIRÃO PRETO – R$ 2.952.664,31
  • RIBEIRÃO PRETO – R$ 3.624.356,58
  • RIBEIRÃO PRETO – R$ 648.261,83
  • RIO CLARO – R$ 3.907.258,97
  • SANTO ANDRÉ – R$ 3.005.869,15
  • SANTO ANDRÉ – R$ 4.267.754,97
  • SANTOS – R$ 5.167.388,30
  • SANTOS – R$ 1.422.414,36
  • SANTOS – R$ 5.378.050,16
  • SÃO BERNARDO DO CAMPO – R$ 4.479.379,66
  • SÃO BERNARDO DO CAMPO – R$ 143.237,38
  • SÃO CAETANO DO SUL – R$ 3.456.060,51
  • SÃO CARLOS – R$ 4.768.186,42
  • SÃO JOÃO DA BOA VISTA – R$ 4.030.006,85
  • SÃO JOSÉ DO RIO PRETO – R$ 2.427.341,21
  • SÃO JOSÉ DOS CAMPOS – R$ 1.724.533,71
  • SÃO JOSÉ DOS CAMPOS – R$ 10.663.521,45
  • SÃO PAULO – R$ 2.528.378,98
  • SÃO PAULO – R$ 3.800.781,26
  • SÃO PAULO – R$ 3.331.064,67
  • SÃO PAULO – R$ 3.518.127,63
  • SÃO PAULO – R$ 615.913,30
  • SÃO PAULO – R$ 24.186.752,14
  • SÃO PAULO – R$ 8.772.678,97
  • SÃO PAULO – R$ 28.888.442,00
  • SOROCABA – R$ 3.157.395,53
  • SOROCABA – R$ 953.473,79
  • SOROCABA – R$ 4.727.969,54
  • TABOÃO DA SERRA – R$ 705.516,21
  • TAUBATÉ – R$ 7.276.368,02
  • TUPÃ – R$ 3.876.060,82

Deixe uma Respota

O seu endereço de e-mail não será publicado.