SEESP fiscaliza condições insalubres no Hospital e Maternidade Pro Matre

 SEESP fiscaliza condições insalubres no Hospital e Maternidade Pro Matre

O Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São Paulo (SEESP) compareceu ontem à Hospital e Maternidade Pro Matre, em São Paulo, para realizar uma perícia e confirmar o nível máximo de insalubridade enfrentada por Enfermeiras(os) que estiveram na linha de frente no enfrentamento da pandemia de COVID-19.

A diretora do SEESP, Ana Firmino, acompanhada da engenheira de segurança do trabalho, Ellen Cristine, e do perito designado pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT-TST), estiveram no local para conduzir a inspeção.

Desde o início da pandemia, o SEESP tem se dedicado incansavelmente a assegurar o pagamento do adicional de insalubridade aos Enfermeiros/as. Continuaremos a monitorar e lutar firmemente pelos direitos e conquistas da nossa categoria.

Associe-se ao SEESP.

Deixe uma Respota

O seu endereço de e-mail não será publicado.