SEESP participa do ato “Criança Não é Mãe” contra PL da gravidez infantil

 SEESP participa do ato “Criança Não é Mãe” contra PL da gravidez infantil

O Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São Paulo (SEESP) esteve presente no ato “Criança Não é Mãe”, uma manifestação conta o  Projeto de Lei  n°  1904/2024 da Gravidez Infantil. A mobilização ocorreu na Avenida Paulista e contou com a presença de diversos representantes da sociedade civil e do setor de saúde.

O vice-presidente do SEESP, Péricles Batista, acompanhado da diretora Ana Firmino, estiveram no evento demonstrando apoio à causa. Durante a manifestação, eles se uniram à deputada federal Sâmia Bomfim e à vereadora Luana Alves, ambas conhecidas por suas posições firmes em defesa dos direitos das crianças e adolescentes.

O ato “Criança Não é Mãe” foi organizado para alertar a sociedade e pressionar os legisladores contra a aprovação do projeto que além de criar uma idade gestacional limite para o procedimento, o PL tem como proposta criar uma pena para o aborto após gestações que ultrapassem as 22 semanas, equiparando a pena ao de homicídio.

O projeto é amplamente criticado por diversas entidades e especialistas, que apontam os riscos e as consequências devastadoras que a gravidez precoce pode trazer para a saúde física e mental das meninas, além de comprometer seu desenvolvimento educacional e social.

O SEESP continuará acompanhando de perto o andamento do projeto e se posicionando firmemente contra qualquer iniciativa que prejudique a saúde e os direitos das crianças e adolescentes.

Filie-se ao SEESP!

Deixe uma Respota

O seu endereço de e-mail não será publicado.